AFLITOS

A primeira derrota alvirrubra nos Aflitos, pelo Campeonato Brasileiro da Série B – sábado, para o Vila Nova/GO (2×1) – provocou estrago não só na classificação do time alvirrubro, que caiu da liderança para o terceiro lugar, mas também um mal-estar entre o técnico Heriberto da Cunha e a diretoria de futebol, mais especificamente, Sérgio Lins.

No vestiário, após o inesperado insucesso, o diretor não poupou críticas nas entrevistas que concedeu. “Não admito a derrota. O time tinha que ter entrado mais ligado no jogo e não podemos repetir esse erro. Não devemos perder pontos dentro de casa ainda mais num jogo como aquele em que fomos derrotados por nós mesmos.”

Ao tomar conhecimento do comentário, o técnico partiu em defesa dos jogadores e tratou de ‘lavar a roupa suja’ em público, utilizando o mesmo meio empregado pelo dirigente: os microfones de rádios. “Ele não entende nada de futebol. Se não estiver satisfeito, entrego o cargo. Não posso aceitar, vindo de um diretor, que minha equipe não jogou nada. Estávamos na liderança, criamos muitas chances de gol, mas a bola não entrou”, disse um nervoso Heriberto, sendo acalmado pelo preparador físico Paulo Camargo.

“Ele (Sérgio Lins) não vai tumultuar. Na vitória, todo o mundo quer soltar foguetes, mas num momento desses precisamos de força e equilíbrio”, prosseguiu Heriberto. Um dos membros do colegiado, João Guerra, interpretou o fato como um mal-entendido. “Não houve crítica ao técnico. Mas Heriberto, sim, tem que ter equilíbrio.”

Hoje, a diretoria fará a costumeira reunião das segundas-feiras. E claro, na pauta, constará uma solução para a ‘rusga’ entre técnico e dirigente, o que deve se dar por via diplomática. Mas não é só isso. O encontro deve definir também a aquisição de reforços – um atacante e um zagueiro –, bem como a saída do zagueiro Pedro Paulo e dos meias Yan e Perdigão. O lateral-direito Marco Aurélio pode entrar na lista por causa de um gesto de indisciplina cometido no vestiário.

Quanto aos novos contratados, Miltinho (ex-Unibol e Náutico) se apresenta hoje. Amanhã, Sandro (ex-AGA) assina contrato e Ernani (ex- Goiás) chega.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


+ 7 = 11

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>