Gilmar Dal Pozzo completa um ano no Náutico

Futuro, metas cumpridas e jogo inesquecível: Gilmar Dal Pozzo completa um ano no Náutico
Técnico chegou ao Alvirrubro em 13 de maio da temporada passada e conseguiu alcançar metas

Treze de maio de 2019 virou um monento simbólico para a carreira do técnico Gilmar Dal Pozzo. Foi nessa data que ele retornou ao Náutico para iniciar a segunda passagem pelo clube. Desde então, cumpriu meta por meta e pode, nesta quarta-feira, comemorar: há um ano comanda o time alvirrubro.

Ao todo, são 64 jogos completos pelo Timbu, com 34 vitórias, 18 empates e 12 derrotas. São 62,5% dos pontos aproveitados. No recorte desta segunda passagem, Gilmar Dal Pozzo tem 36 partidas pelo clube: 19 vitórias, 11 empates e 6 derrotas. Desempenho que dá 62,9% de aproveitamento.

“Se considerando no futebol brasileiro, para um técnico, permanecer um ano no clube já é motivo de satisfação e orgulho. Estou muito feliz com meu trabalho e, principalmente, por essa longevidade”, afirma Gilmar Dal Pozzo.

Para além da frieza dos números, Dal Pozzo conseguiu fazer história. Logo no primeiro jogo da volta ao clube, precisava bater o Campinense. Meta alcançada com um 2 a 0 e vaga garantida no Nordestão deste ano. Em seguida, conseguiu o acesso à Série B com um jogo emocionante contra o Paysandu e o título brasileiro da Terceira Divisão sobre o Sampaio Corrêa. Entre esses feitos, há um mais especial.

- Talvez, o principal deles é o joga contra o Paysandu. Esse jogo do acesso, pela dramaticidade que foi, por tudo que aconteceu no jogo. Esse, talvez, tenha sido o jogo marcante na minha trajetória e também do torcedor acredito que seja esse sentimento. É um jogo que a gente não vai esquecer para o resto das nossas vidas.

Além dos resultados em campo e apoio a jovens jogadores da base como o atacante Thiago, que foi negociado pelo Flamengo e retornou ao Timbu por empréstimo, Gilmar Dal Pozzo construiu uma relação de confiança com a diretoria.

- A palavra que eu tenho para dizer é esse meu sentimento de gratidão. Realmente, é a força de todos, a união de todos que faz a diferença, afirma.

Para o futuro, Gilmar Dal Pozzo vê o Náutico continuando na briga por todas as competições após uma queda de desempenho antes da paralisação por conta da Covid-19. A equipe só conseguiu uma vitória nos últimos sete jogos. O técnico, inclusive, chegou a pontuar que deve mudar o estilo de jogo do time na volta das partidas.

- Os nossos planos da diretoria, comissão técnica e atletas são de voltar numa condição boa, principalmente a mental. Que não fique sequela nenhuma dessa pandemia que tem atrapalhado a todos, e a gente têm conversado com os atletas para, quando voltar, voltar mentalmente forte. Fisicamente, eles estão sendo monitorados e nós, da comissão técnica, têm um grande desafio de seguir um protocolo que nos vão apresentar e que é feito pela CBF. O Náutico, em todas as competições, vai ser muito forte.

Matéria: https://globoesporte.globo.com/pe/futebol/times/nautico/noticia/futuro-metas-cumpridas-e-jogo-inesquecivel-gilmar-dal-pozzo-completa-um-ano-no-nautico.ghtml
Por: Globo Esporte
Foto: Léo Lemos/Comunicação Náutico

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


6 − 3 =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>