PERÍODO

Novo goleiro do Náutico, Alex Alves minimiza longo período sem jogar
Desde março de 2019, goleiro só fez um jogo oficial, na 38ª rodada da Série B de 2019, quando o Bragantino já havia assegurado o título

O goleiro Alex Alves chega ao Náutico com uma desconfiança: desde março de 2019 só disputou uma partida oficial (em novembro de 2019). Ficou na reserva do Bragantino o ano de 2020 inteiro. Mas aos 34 anos, o atleta garante que isso não impedirá seu sucesso no Timbu. Tanto que já se coloca à disposição para atuar neste sábado, quando a equipe estreia, diante do Central, no Campeonato Pernambucano.

- É claro que ritmo é importante, mas o principal é estar bem treinado, bem trabalhado. Ao longo desses anos, eu cresci muito, aprendi muita coisa boa. Treinei todos os dias. Antes de sair de lá (do Bragantino), meu preparador de goleiros falou que preparado eu estava, porque fui um dos caras que mais treinou nesses últimos tempos. Estou bem confiante quanto a isso, tenho certeza que tem tudo para dar certo.

Alex disputa posição com Jefferson neste início de temporada. E garante que, dos pontos de vista técnico e físico, está pronto para começar jogando já no sábado, se o técnico Hélio dos Anjos decidir.

“Estou muito motivado, estou fisicamente bem preparado, trabalhei muito todo esse tempo. Acredito que é só regularizar com a CBF. Se o nome sair no BID e o professor optar por mim, vou dar o melhor para ajudar meus companheiros e dar muitas alegrias ao nosso torcedor.”

Experiente, Alex Alves estava em Bragança no exato momento em que o clube foi comprado pela Red Bull, empresa que mudou o Bragantino por completo. Poucos jogadores ficaram, mesmo tendo conseguido o acesso à Série B em 2018 (o jogo decisivo foi exatamente contra o Náutico, quando Alex se destacou).

- É claro que eu fiquei feliz quando optaram por mim para fazer parte desse novo projeto, já que apenas quatro jogadores foram escolhidos. Mas apesar da continuidade, sabíamos que estávamos indo para um novo clube. Tive que brigar por espaço e esperar a oportunidade, o que na posição de goleiro é mais difícil. Tinha o Júlio César, que é um grande profissional. No ano seguinte, contratou o Cleiton, jogador da Seleção Brasileira, vindo de um grande clube, que é o Atlético Mineiro, por uma quantia alta. Eu fiquei trabalhando, buscando e essa oportunidade não veio. Apesar de ter passado um ano sem jogar, acredito que foi bom para trabalhar, aprender muita coisa e trocar experiências com eles.

Mas sem espaço no Bragantino, Alex Alves optou por sair de lá quando surgiu a possibilidade no Náutico. No Recife, ele espera marcar seu nome na história com títulos e acesso, como aconteceu no Bragantino.

- O que me motivou a vir foi a grandeza do clube, foram os objetivos grandes para 2021. Neste primeiro semestre, normalmente, disputa a Copa do Nordeste e a Copa do Brasil, mas infelizmente ficou de fora. A proposta que me foi feita mostrou grandes objetivos como ser campeão estadual para conquistar as vagas e ter um calendário cheio, algo que ajuda muito o clube. No segundo semestre, temos o Brasileiro, que o objetivo do clube é o acesso e seguir a busca pelo retorno à elite do futebol.

+ Compre seus produtos da NauticoNET

+ Camisas Oficiais do Náutico N6 com 10% de desconto com o cupom NAUTICONET10

+ Tudo do Náutico em Vídeos: www.tv.nauticonet.com.br

Matéria: https://globoesporte.globo.com/pe/futebol/times/nautico/noticia/novo-goleiro-do-nautico-alex-alves-minimiza-longo-periodo-sem-jogar-nos-ultimos-anos.ghtml
Por: Rômulo Alcoforado/Globo Esporte Recife
Foto: Tiago Caldas/Comunicação Náutico

4 respostas a PERÍODO

  1. Marcos Jose Tiburcio disse:

    AO CLUBE TA SEM DINHEIRO, ESSE ANO VAI SER LOMBRA E AVISO AO DIOGENES E EDNO, PERDEU PERDE A ELEIÇÃO. SO TEMOS DOIS CAMPEONATOS E NADA MAIS.

  2. Marcos Jose Tiburcio disse:

    APANHOU DO SANTA OU SPÓRT VAI EMBORA NA HORA

  3. josé firmino disse:

    NÃO DAR PRÁ ENTENDER: PORQUE O ALEX ALVES SEM JOGAR HÁ MAIS DE UM ANO É LANÇADO DE QUALQUER JEITO COMO TITULAR?

    SE A RESPOSTA FOR QUE JEFFERSON NÃO TEM CONDIÇÕES, PORQUE RENOVARAM SEU CONTRATO HÁ LONGO PRAZO ?

    SERÁ QUE FOI POR RECONHECIMENTO AO TÍTULO DA SÉRIE-C ?

  4. Edson J disse:

    Pelo jeito, a diretoria optou por regredir na posição de goleiro. Jeferson já demonstrou à exaustão que não tem nível para a Série B. Tanto que, às pressas, o Náutico contratou Anderson, fundamental para a nossa permanência, no sufoco, naquela série. Agora, traz esse Alex Alves para “disputar posição com Jeferson”? Estamos perdidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


2 + = 5

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>